CVR no projecto OiLCA

O CVR – Centro para a Valorização de Resíduos, integra desde Janeiro de 2011 um consórcio internacional responsável pelo desenvolvimento do projecto OiLCA, que visa a: “Melhoria da competitividade e redução da pegada de carbono do sector do azeite, mediante a optimização da gestão de resíduos e implementação de uma ecoetiqueta”.

Co-financiado pelo FEDER ao abrigo do Programa INTERREG IV B SUDOE, este projecto tem como associados, para além do CVR – Centro para a Valorização de Resíduos, a AOTAD – Associação de Olivicultores de Trás-os-Montes e Alto Douro, três entidades espanholas, Fundação Citoliva (chefe de fila), a Fundação CTM Centro Tecnológico e o Instituto Andaluz de Tecnologia, e ainda uma entidade francesa, o Instituto Nacional Politécnico de Toulouse No espaço SUDOE é gerada perto de 47% da produção mundial de azeite. Motivado pelas suas características organolépticas e benefícios para a saúde, o consumo de azeite aumentou na zona europeia mais de 50% nos últimos 20 anos, alcançando um consumo estimado de 1,85 milhões de toneladas em 2009.


Com a execução do projecto OiLCA, o consórcio pretende promover a competitividade do sector oleícola do espaço SUDOE, que reúne Portugal, Espanha e Sul de França, mediante protecção ambiental. A redução do impacto ambiental da produção de azeite, mediante a aplicação dos princípios de eco-eficiência, será atingida através do desenvolvimento de uma ferramenta informática capaz de executar a Análise de Ciclo de Vida (ACV) dos processos que integram a produção de azeite, identificando e avaliando as actuações capazes de reduzir a pegada de carbono. A ferramenta promoverá também a associação de custos de inversão permitindo assim a identificação dos melhores cenários tanto com base em critérios de sustentabilidade ambiental, como económicos. Consequentemente, o projecto culminará na implementação de uma ecoetiqueta, indexada ao produto oleico, capaz de comunicar ao consumidor o esforço e contribuição do sector para proteger o meio ambiente e mitigar as alterações climatéricas.


No ano de 2011, o projecto progrediu significativamente, pelo que se realizou uma terceira reunião de coordenação, nos dias 10 e 11 de Janeiro de 2012, nas instalações do CVR – Centro para a Valorização de Resíduos, visando o balanço do ano transacto e o estabelecimento de novas metas para o último ano do OiLCA. Desta forma, destacam-se para 2012, a realização de jornadas e mesas de trabalho, dirigidas às empresas e demais entidades públicas e privadas do sector oleícola, que permitirão a recolha de informação e validação de metodologias e ainda a difusão de resultados. A conclusão do projecto está estimada para Dezembro de 2012

Para mais informações consulte os sítios Web:

OiLCA: http://www.oilca.eu

CVR: http://www.cvresiduos.pt/

CITOLIVA: http://www.citoliva.es/

CTM: http://www.ctm.com.es/

IAT: http://www.iat.es/

LCAI: http://www.inp-toulouse.fr

AOTAD: http://www.aotad.pt